Continua obrigatório o uso de máscara dentro ds lotações da Turi

Pará de Minas em Destaque

Foi identificado uma alta de 150% no atendimento de pacientes, em todo o Brasil, entre novembro e dezembro de 2021, devido ao surto de H3N2 (subtipo do vírus Influenza A) e a Covid-19. E, em Para de Minas, para se ter ideia os casos de acompanhamentos em casa só neste início de ano foi de 15 para 73 casos registrados.

Djalma Rocha Junior, superintendente da Turi, fala ao DIARIO como está esta situação do uso obrigatório de mascaras dentro das lotações, e como os cobradores e motoristas estão lidando com essa situação, uma vez que muitos usuários do transporte coletivo insistem em não usar a máscara dentro dos veículos da empresa Turi:

“Nós estamos aqui com preocupação muito grande em relação ao cumprimento desse protocolo, de uso das máscaras. Sendo que continuamos exigindo o uso delas por parte dos nossos motoristas e cobradores. E, agora a gente está encontrando uma resistência muito forte em relação à população ao uso da máscara. Então, peço encarecidamente a cada usuário que não vacile em relação à manutenção do uso da máscara, pois é importante, uma vez que não estamos livres dessa doença e principalmente com a chegada dessa nova cepa”.

Djalma destaca que a orientação passada aos motoristas é que primeiro eles devem orientar os usuários. E, aquela pessoa que insistir, infelizmente providência precisará ser tomada até mesmo com o auxílio da Polícia Militar.

Uso correto de máscara

– Nariz tem que estar totalmente coberto

– Queixo não pode ficar de fora

– Precisa estar justa ao rosto, sem folgas, principalmente nas laterais

– Não usar no queixo ou no pescoço

– Não tocar na parte da frente

– Retirar pelos elásticos

– Descartar na lixeira comum dentro de um saco fechado

Djalma Rocha Junior, lembrando que a Turi faz a higienização dos veículos todos os dias:

“Nós continuamos de forma permanente desde março de 2020, com os protocolos de higienização e limpeza dos corrimões e dos balaústres. Temos uma equipe multidisciplinar que está sempre aqui a noite. Nós não abrimos mão dessa higienização, justamente por que nós entendemos que a doença ainda não está finalizada e todo cuidado é pouco. Estamos fazendo a nossa parte, pedimos a gentiliza a população que quando entrar nos nossos veículos, usem mascaras é importante para todos”.