Coral Bittencourt retoma atividades depois de quase um ano paralisadas devido a pandemia

Pará de Minas em Destaque

O Coral Bittencourt, depois de praticamente um ano totalmente parado, está retomando as atividades neste mês de fevereiro. O anuncio repercutiu positivamente entre os componentes do coral, que estão parados desde março de 2020 e não se encontram para cantar devido a pandemia do novo Coronavírus.

O regente Samuel Lopes que está à frente do Coral Bittencourt há 20 anos, confirmou o retorno dos ensaios. A expectativa dele é que, em pouco tempo, depois de se reunir, mesmo que de forma reduzida e adaptada para garantir a segurança, o grupo esteja pronto para as apresentações. O Coral está organizando ensaios múltiplos, a fim de garantir o revezamento dos coristas, evitando aglomerações, conforme explicou Samuel:

“O Coral Bittencourt interrompeu as atividades desde 18 de março quando foi o início da pandemia declarada no ano passado e nós retornamos com os ensaios no dia 18 de fevereiro, quase um ano exatamente, porém, devido a pandemia e como nós ainda não estamos com a situação totalmente controlada questão de vacina enfim, ainda obedecendo os protocolos nós começamos com os ensaios em caráter reduzido com um número de 12 coralistas respeitando o distanciamento de no mínimo de 2 metros durante os ensaios e voltar a cantar a se apresentar. O Coral ele hoje conta com 32 coristas, então estamos trabalhando com menos da metade, estamos trabalhando com revezamento, cada semana vem um grupo. Nas apresentações, dependendo do local nós vamos selecionar o número de pessoas que vai compor a apresentação respeitando o distanciamento, dentro do possível o uso de máscara, não sendo possível claro, todo mundo sabe que para cantar é bem complicado cantar de máscara, então nós vamos obedecer o máximo de distanciamento possível, ver a logística, mas enfim, ter o cuidado de usar máscaras dentro dos ensaios, nos intervalos, uso de álcool, distanciamento enfim, todo cuidado possível, mas para que a atividade não fique mais parada, mais estacionada do que já está. Nós precisamos cumprir um papel, dar continuidade ao trabalho da música, do canto coral na nossa cidade que é uma tradição muito antiga”.

Samuel Lopes confirmou que as primeiras apresentações do Coral Bittencourt depois da retomada das atividades depois da paralisação de quase um ano devido a pandemia da Covid-19 serão na Matriz de Nossa Senhora da Piedade durante as celebrações do Setenário da Dores de Nossa Senhora e durante a Semana Santa. Informações sobre o Coral Bittencourt, assim como dias e horários dos ensaios do grupo, podem ser obtidas pelo telefone 99125 5736.