Mato e sujeira nos fundos do Velório Municipal deixam vizinho indignado

Ultimas

São muitas as reclamações que chegam todos os dias na redação do Diário sobre lotes sujos, mato tomando conta de ruas, lixões se formando em diversos locais da cidade e agora chega uma reclamação de sujeira e mato alto nos fundos do Velório Municipal de Pará de Minas. Do local estão saindo escorpiões, ratos, baratas entre outros animais peçonhentos. De acordo com as reclamações de um vizinho, esses animais estão invadindo sua casa e colocando em risco a saúde dele e toda sua família.

O aposentado Francisco de Assis Fonseca não está nada satisfeito, ele disse que já cobrou a limpeza dos fundos do Velório Municipal pessoalmente do pessoal da prefeitura, mas até o momento nada foi feito, o mato está tomando conta de tudo e os animais peçonhentos estão invadindo sua casa colocando em risco a saúde de seus familiares, inclusive uma criança. Francisco que é vizinho do local falou sobre a situação e aproveitou para cobrar novamente:

“Está aparecendo ratazana de quilo lá, escorpião então nem se fala por aquela área ser uma área afetadíssima com relação a esse fato. Eu moro na Rua Mato Grosso e o fundo velório está uma porcaria. O quê que acontece ali, eles mandam um pessoal para dar uma capinada por alto, vai lá passa uma máquina pra qui e pra li, larga a lixaiada toda lá e aquilo ali é como eu disse, por ser uma área central deveria ser uma área mais cuidada. Eu gostaria que o gestor público desse uma olhada lá, porque aquilo ali é uma área central é a Rua Mato Grosso entrando à direita, uma área que deveria ser melhor cuidada. A rua não é asfaltada, está cheia de mato e como eu disse, o local é foco de escorpiões, ratazanas, lacraias e como a gente tem criança pequena a gente preocupa, agora, a vizinhança do lado de lá parece que não preocupa, agora eu que estou do lado preocupo e já fiz reclamação e não estou sendo atendido”.

A reportagem do Diário entrou em contato com Secretário Municipal de Obras e Infraestrutura, José Cornélio, informando a ele sobre as reclamações da sujeira e do mato alto nos fundos do Velório Municipal. O responsável pela pasta explicou que a limpeza do local já está na programação e em breve estará tudo limpo nos fundos do velório. José Cornélio disse que o período chuvoso tem dificultado bastante a limpeza em toda cidade, mas o trabalho está sendo realizado atendendo primeiro as prioridades.