Castração de cães e gatos de rua continuam sendo realizadas em Pará de Minas

Pará de Minas

A castração, identificação e chipagem de cães e gatos de rua continuam sendo realizadas no Centro de Controle Populacional (CCP) que funciona junto ao Centro de Controle de Zoonoses, no bairro João Paulo II em Pará de Minas. Para isso, a Prefeitura fez obras e adaptações na estrutura do CCZ.
Um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) foi assinado em 2019 entre a Prefeitura, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), representantes da sociedade civil e órgãos de defesa do meio ambiente para iniciar o desenvolvimento de projetos com o objetivo de solucionar o problema do aumento da população de cães e gatos nas ruas na cidade, mas hoje o número desses animais é assustador e preocupante.
No local foi construída uma sala de cirurgia, onde estão sendo realizadas as castrações, e dez baias individuais para acolher cães e gatos no pós-operatório. Outra parte do projeto é dar um novo lar aos animais que forem castrados e identificados.
A intenção é a realização de feiras e encaminhamentos dos cães e gatos para adoção, mas quando não aparece ninguém para adotá-los, eles são soltos no mesmo local onde foram capturados após a recuperação da castração.
O médico veterinário do Centro de Controle Populacional, Thales Mateus Borges, explica o objetivo da castração de cães e gatos de rua que continuam sendo realizadas em Pará de Minas:


O objetivo também é conscientizar a população sobre a guarda responsável dos animais que está sendo controlada por meio de um chip que implantado nos cães e gatos no momento da castração. Se a pessoa adotar um animal devolvê-lo à rua será responsabilizada criminalmente por isso, segundo a Prefeitura. O telefone para denuncia de cães e gatos na rua é o 3231-7817.

Deixe um comentário